Benefícios: governo antecipa parte do 13º salário para aposentados e pensionistas neste mês de agosto/2017

Giro de Notícias – Edição 149
23 de agosto de 2017
Giro de Notícias – Edição 150
30 de agosto de 2017
Exibir tudo

Benefícios: governo antecipa parte do 13º salário para aposentados e pensionistas neste mês de agosto/2017

Aposentados e pensionistas começam a receber a antecipação da primeira parte do abono anual do INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social), conhecido como 13º, a partir do dia 25 de agosto de 2017. O decreto que autoriza a antecipação do pagamento da gratificação natalina foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) do dia 28/07/2017.

A expectativa é de que 29,4 milhões de benefícios receberão a primeira parcela do abono anual, que corresponde a 50% do valor do 13º e representa uma injeção extra na economia de pelo menos R$ 19,8 bilhões, nos meses de agosto e setembro/2017.

O extrato mensal de pagamento estará disponível para consulta na página da Previdência Social www.previdencia.gov.br e nos terminais de autoatendimento da rede bancária, juntamente com o extrato de pagamento de benefícios da folha de agosto/2017.

Não haverá desconto de Imposto de Renda (IR) nesta primeira parcela. De acordo com a legislação, o IR sobre o 13º somente é cobrado em novembro e dezembro/2017, quando será paga a segunda parcela da gratificação natalina.

Aposentados e pensionistas, em sua maioria, receberão 50% do valor do benefício. A exceção é para quem passou a receber o benefício depois de janeiro/2017. Neste caso, o valor será calculado proporcionalmente.

Os segurados que estão em auxílio-doença também recebem uma parcela menor que os 50%. Como esse benefício é temporário, o INSS calcula a antecipação proporcional ao período.

Por lei, os segurados que recebem benefícios assistenciais (LOAS) não têm direito ao 13º salário, que corresponde a cerca de 4,5 milhões de benefícios.

(Fonte: INSS.GO.GOV.BR)

COMO A ELETRA PAGA O ABONO ANUAL

Na Eletra, o abono é pago integral para todos os aposentados e pensionistas, sempre no dia 20 de dezembro de cada ano.

Já os participantes que requereram, junto à Fundação, a Suplementação de Aposentadoria no decorrer do ano de 2017, terão o valor do abono pago proporcionalmente aos meses recebidos da referida Suplementação.

Ratificamos que todos os demais continuarão a receber o pagamento do abono anual integralmente, como nos anos anteriores.

 

MANTENHA SEU CADASTRO ATUALIZADO NA ELETRA

 

A Eletra reitera a importância de manter atualizado seu cadastro, pois ele é a garantia de ter seus direitos sempre resguardados, uma vez que todo cálculo de benefício leva em consideração os dados atuariais, que dependem das informações cadastrais, que são de responsabilidade de cada participante.

A consistência do cadastro é base primordial para tal garantia, por isso é imprescindível mantê-lo sempre atualizado. Esses dados são fundamentais para que o cálculo do benefício seja realizado da maneira correta, com hipóteses atuariais assertivas, evitando, na hora do pagamento, surpresas negativas para os beneficiários.

Na Eletra, o recadastramento anual é obrigatório a todos os assistidos e pensionistas, devendo ser realizado, sempre, no mês de aniversário de cada um, mediante o preenchimento de ficha cadastral encaminhada via correio pela entidade.

Alertamos que, caso os dados não sejam devidamente atualizados, o pagamento de seu benefício poderá ser suspenso, conforme previsão contida no artigo 84, parágrafo único, do Regulamento do Plano Celgprev, ou ainda, no artigo 83 do Regulamento do Plano Eletra 1.

Para os participantes ativos, o recadastramento também é obrigatório e deve ser realizado sempre que houver qualquer alteração, seja com relação aos seus dependentes ou até mesmo alguma mudança de endereço.